As várias faces do preconceito? Um Chute no Rascimo

As várias faces do preconceito?

O que é preconceito? Como o nome já diz é o pré-conceito,ou seja, uma opinião formada antes de se ter os conhecimentos adequados. Há inúmeros tipos de preconceito, que atinge as pessoas de varias formas.

Em uma de minhas passagens pela cidade de São Leopoldo na região metropolitana de Porto Alegre, estava trabalhando as questões de Gêneros com varias turmas no programa do governo federal chamado escola de Fábrica, em uma destas turmas me chamou muito atenção, pois no debate de gênero com uma turma exclusivamente masculina (jovens de 15 a 20 anos), fiz uma pergunta muito simples: alguém nesta sala tem algum tipo de preconceito, para minha surpresa ninguém era preconceituoso, mas após assistir ao filme de Pedro Almodóvar (polemico como sempre) má educação (La ma Educacion) teve um menino que chutou a classe (acreditem)e disse que eu estava incentivado o homossexualismo,isso por que no inicio do filme tem uma cena muito forte de dois rapazes se relacionando.

Após o filme perguntei novamente se os meus alunos tinha algum tipo de preconceito e todos levantaram a mão, bom meus amigos digo para vocês, nos os homens não suportamos ver dois homens beijando-se, mas duas mulheres e nosso sonho de consumo. Abaixo estão os principais tipos de pré- conceito:

Preconceito à outra cor – É denominado de racismo e existe principalmente em relação à negros. No Brasil, surgiu com a escravidão e é muito presente até hoje, apesar de a escravidão ter sido abolida em 1888. Há também o racismo contra brancos, amarelos, vermelhos, pardos etc…

Preconceito contra loiras- Quem nunca ouviu uma piadinha sobre loiras burras?

Preconceito à outra religião – Hoje em dia, o maior exemplo deste preconceito são os conflitos no Oriente Médio. A luta entre judeus e islâmicos custa dezenas de vidas diariamente. Grupos extremistas no Iraque matam inocentes cruelmente somente porque são de outra religião. Mas no Brasil este tipo de preconceito tem uma disputa entre as igrejas evangélicas e a igreja católica.

Preconceito contra as mulheres – É denominado de machismo e existe por causa do antigo papel das mulheres como dona de casa. O machismo gera muita mágoa porque vários homens não reconhecem a capacidade das mulheres de fazerem algo diferente à costurar e cozinhar. Bom no meu caso acho justo ter direitos iguais ate na hora de pagar a conta no restaurante, no bar no cinema etc……

Preconceito quanto a classe social – Ricos discriminam pessoas de baixa classe social, com famosas frases do tipo ,,Isso é coisa de pobre..”, ou vice-versa.

Preconceito contra pessoas de outra orientação sexual – Homossexuais e bisexuais são muito agredidos moralmente e até fisicamente só por não serem “iguais”. É uma triste realidade, tanto que vários escondem sua preferência sexual.

Preconceito contra pessoas de outra nacionalidade – A maioria dos brasileiros critica os norte-americanos, apesar de estar sempre os imitando. Brasileiros sofrem de preconceito em outros países, assim como muitos estrangeiros são discriminados no Brasil. Precisamos aprender que nem todo português é burro e nem todo brasileiro é malandro.

MERCADO REGIONAL

CARO ALUNO E FUTURO VESTIBULANDO.

O mercado de trabalho esta cada vez mais competitivo, especialistas apontam que o profissional hoje não é mais local, e sim global. Além de conhecer outros idiomas é necessário ter disponibilidade. “Não é possível mais ficar limitado ao seu bairro. A concentração de profissionais em certos centros gera muito desemprego. Em muitos casos, o deslocamento para outra região pode ajudar a garantir o trabalho”, diz Marcos Schlemm, consultor sênior da Acta – Educação, RH e Carreira. “O brasileiro é um dos povos menos móveis do mundo. Daqui para frente será cada vez mais difícil ficar fixo num local”, completa

Sendo assim, conhecer o mercado de trabalho em outras regiões pode ser um ótimo começo. Abaixo, segue parte do levantamento elaborado pelo Grupo Foco sobre as profissões que estão em alta no país, por região.

REGIÃO PARANÁ – (sede em Curitiba): • Áreas em alta: Controladoria, Logística, Suprimentos, Engenharia, Comerciais e Atendimento ao Público, Inteligência de Mercado/Marketing e Tecnologia da Informação; • Cursos em alta: Ciências Contábeis, Engenharias em geral, Informática, Administração, Marketing; • Obs.: Vagas na área de Tecnologia da Informação , busca crescente de profissionais recém formados para serem desenvolvidos.

REGIÃO NORTE – (sede em Belém): • Área de Engenharia Mecânica, Civil, Elétrica e Mecatrônica; • Sistema de Tecnologia (com formação técnica, Eletromecânico, por exemplo) e instrumentalização; • Saúde, pois as cidades estão crescendo e precisam desta estrutura.

REGIÃO –CENTRO OESTE (sede em Brasília): • Engenharia Civil, de Produção e Eletrônica; • Tecnologia voltada para Informática; • Obs.: Regiões com grandes desigualdades de demanda. Enquanto no Centro – Oeste há uma forte planta industrial, a região Norte é pouco explorada.

REGIÃO INTERIOR DE SÃO PAULO – (sede em Campinas): • Engenharia (Mecânica, Elétrica e Mecatrônica); • Outras áreas muito requisitadas: área administrativa, financeira, recursos humanos e formações técnicas.

REGIÃO SÃO PAULO – (sede capital): • Engenharia; Construção Civil (parte de hidráulica), Mecânica, e outras.

REGIÃO RIO DE JANEIRO – (sede capital): • Engenharia voltada para mineração (sedes da Votorantim e Vale, entre outras); • Áreas de logística, compras, ferrovias.

REGIÃO ESPÍRITO SANTO – (sede Vitória): • Áreas técnicas e Engenharia (investimento das empresas Petrobrás e Vale) • Construção Civil em tendência de aumento

REGIÃO SUL – (sede Porto Alegre): • Tecnologia da Informação (Ciências da Computação, Analista de Sistema, entre outros); • Engenharia Civil, Elétrica, Mecânica, entre outras; • Setores da Indústria, Serviços e Construção Civil.

REGIÃO NORDESTE – (sede em Salvador): • Construção Civil, Engenharia Elétrica, Mecânica e Química; • Administração; • Setor Industrial.

fique atento as profissões que estão em alta

RESENHA SOBRE O FILME ANJOS DO SOL

Apesar de Anjos de o Sol ser uma história de ficção, é baseado em acontecimentos reais, devidamente relatados na imprensa ou por ONGs (Organizações Não-Governamentais), que foi às principais fontes de pesquisa para este roteiro. Acompanha a trajetória de Maria menina de 11.  Nascida numa família pobre do interior da Bahia foi vendida pelos pais para Tadeu que trabalha “selecionando” algumas para trabalhar aparentemente em casa de famílias, mas na verdade, elas são afastadas do lar para trabalhar na indústria da prostituição.

O que podemos observar que crianças e adolescentes são exploradas por redes de prostituições das quais participam pessoas que detém grande poder local, tanto poder econômico quanto político, jurídico e religioso.

Ela vai parar na minúscula cidade de Diamantina, no Amazonas, onde é recebida por Saraiva Dono de um “prostíbulo” ele comanda suas vidas e as ameaça constantemente, submetendo-as a até 30 programas em uma noite.

Após fugir novamente da cidade Maria pede carona e consegue chegar ao Rio de janeiro, onde quase entra novamente na prostituição.

As redes de exploração sexual e turismo sexual citadas na produção são a prostituição, e o tráfico com finalidades sexuais. Outras formas são o turismo sexual com crianças que quase se realizou quando Maria foi para no Rio de janeiro.

PULSEIRAS DO SEXO

As coloridas pulseiras de silicone que tomaram conta de alguns adolescentes no nosso país e, agora foram promovidas “a pulseiras do sexo” geraram entre os adolescentes e os pais deste meu querido Brasil, a maior farra desde que começaram a aparecer na imprensa brasileira,alguns artigos associaram a mensagens de caráter sexual e se antes não despertava atenção de alguns jovens, conseguiram desperta o modismo.

Aqui na minha cidade (Passo Fundo-RS) ainda não escutei relatos ou incidentes em relação a esta pulseira, mas e bom ficar ligados.

Usando uma pulseira de determinada cor, a adolescente  (geralmente as meninas) através dum jogo chamado  Snap  indica até onde quer ir nos carinhos ou mesmo na atividade sexual.

Código das cores:

Amarela – abraço
Rosa – mostrar o peito
Laranja – dentadinha de amor
Roxa – beijo com a língua – talvez sexo
Vermelha – dança sexual
Verde – sexo oral a ser praticado pelo rapaz
Branca – a menina escolhe o que lhe apetecer
Azul – sexo oral a ser praticado pela menina
Preta – sexo com a menina na posição do missionário

Depois da posição do missionário, decidi que estava ficando velho pois este leigo aqui conhecia como papai- mamãe.